Civitatis olha com otimismo para 2022

1024 576
Travel2Latam
Travel2Latam
https://es.travel2latam.com/nota/71269-civitatis-olha-com-otimismo-para-2022
Civitatis olha com otimismo para 2022
Alberto Gutiérrez Pascual, Civitatis
Source: Travel2latam
19 de noviembre de 2021

A empresa conseguiu recuperar os níveis de negócios anteriores à pandemia e busca evoluir em seu formato


Civitatis, líder mundial em visitas guiadas em espanhol, teve uma grande recepção no mercado latino-americano graças ao seu catálogo de produtos selecionado no destino ao melhor preço, respeitando as tarifas dos seus parceiros locais e indo mais além. Para saber os detalhes, durante o Tianguis Turístico, pudemos entrevistar seu fundador e CEO Alberto Gutiérrez Pascual.

Como nasceu a empresa e como foram os primeiros anos de operação?
Nos primeiros 6 anos estive sozinho, em 2014 abri o primeiro escritório e comecei a contratar pessoas e a partir de 2016 principalmente começamos a pensar grande, fizemos uma mudança na comunicação, com uma nova imagem de marca e começamos a abrir novos escritórios e para fazer marketing offline. Em 2017 começamos a veicular anúncios na televisão e desde então o crescimento tem sido exponencial.
Sempre houve visitas guiadas, mas ninguém as vendia online até chegarmos. Os viajantes compravam no hotel ou no posto de turismo ou iam a um fornecedor local, o que fizemos foi digitalizar para podermos planejar cada atividade com antecedência. Sempre procuramos atividades no idioma do cliente, por exemplo, temos tours em espanhol por todo o mundo, o que não é tão fácil de conseguir. Hoje nossos clientes podem contratar um guia na China que fale espanhol. Agora estamos replicando em quatro outras línguas. Temos tours em inglês, português e francês.

Quantas agências têm registros hoje?
Começamos com uma plataforma voltada para o consumidor, mas desde 2018 começamos a gerar relacionamento comercial com agências e no primeiro mês foram 4.000 cadastrados porque havia muito interesse. Agora estamos em 17.000 e entrando em novos mercados, recentemente começamos na Itália, onde 4.000 agências foram registradas em um período muito curto de tempo. Na verdade, eles trabalharam com um fornecedor italiano e deixaram para começar conosco porque viram o valor diferencial que temos.

Em um mercado estagnado pela pandemia, como funcionaram para a reabertura?
Na pandemia, cerca de 120 pessoas continuam trabalhando na empresa. Antes da crise da saúde tínhamos 29.000 atividades e agora temos 62.000, ou seja, dobramos nosso catálogo, o mesmo que fizemos com as agências de viagens, tínhamos 10.000 cadastrados e hoje já temos 17.000. Foi um investimento importante , mas graças a isso agora Ao mesmo tempo, já estamos com níveis de vendas superiores a novembro de 2019, estamos vendo refletido o trabalho que temos feito nesta época e em 2022 continuaremos aumentando destinos, experiências e colaboradores.
Viemos a Tianguis para melhorar nossa colaboração com agências no México e a recepção tem sido muito boa.

O que há de novo para 2022?
Um dos nossos projetos para este ano é replicar o modelo de agência de viagens com hotéis, eles podem nos vender de duas formas ou diretamente na recepção com o que acham que é melhor e temos a mais valia de estar 100% online ou seja, quando o viajante faz a reserva, ele já tem seu hotel, mas está procurando seus passeios. Aliás, aqui conhecemos hoteleiros que têm serviço de concierge online e que recomendam sem ganhar nada, aqui percebem que trabalhar connosco podem fazê-lo, mas ganham uma comissão e também garantem esse serviço.
Para o mercado de língua espanhola somos referência e temos grande satisfação do cliente. Ninguém faz o que fazemos pelo mercado aqui na América Latina. Argentina e México são nossos mercados mais importantes na região. A Colômbia está trabalhando bem e a verdade é que vemos agregando clientes em todo o resto do continente.

visitas

¿Te ha gustado la nota? ¡Compártela!

Tendencias
que estan leyendo nuestros usuarios en este momento

Puedes seguir leyendo...